+351 912 511 481

 

pecas@impordavid.pt

pastilhas.jpgalampadas.jpgsuspencao.jpgdiagnostico.jpglimpezaUltrasons.jpgradiador.jpgmudancaOleo2.jpg
A distribuição

Os Alertas e os sintomas

Nenhum alerta nem sintoma permite saber a necessidade da substituição da correia. Esta deve ser realizada de maneira preventiva.
As periodicidades de substituição são muito variáveis (de 60.000 para 240.000 km para veículos mais recentes entre 5 a 10 anos em função do fabricante e do modelo). Tenha em conta as preconizações do construtor que constam no manual de manutenção do seu automóvel.

É aconselhável substituir a bomba de água sempre que se substitui a correia de distribuição, porque quando a correia de distribuição é substituída a Impordavid aconselha igualmente que se substitua a bomba de água, para evitar ter de voltar a substituir novamente a distribuição.

A refrigeração

Os alertas e os sintomas

Fuga de líquido de refrigeração: Muitas vezes provém de um tudo de refrigeração.
Aquecimento anormal do motor: o líquido de arrefecimento da sua viatura está certamente ineficaz, necessita ser substituído.
Também pode acontecer que se deva a uma anomalia do ventilador ou da válvula termostática.
Odor do líquido de refrigeração no habitáculo: O radiador pode ter um defeito.
O líquido de refrigeração: tem como principal papel arrefecer o motor. Ele oxida-se com o tempo. Aconselha-se a sua completa substituição a cada dois ou quatro anos sob pena de o motor da sua viatura se deteriorar.
O termo–contato: alimentar o ventilador logo que a temperatura do motor atinge um
valor elevado.


O ventilador: tem como função arrefecer o radiador quando o veículo se desloca lentamente ou está parado.
O radiador: arrefece o líquido de refrigeração para que se mantenha o motor a uma boa temperatura.
O vaso de expansão: quando o motor está quente o líquido de refrigeração aumenta de volume. O vaso de expansão permite armazenar o volume de líquido excedente.
A bomba de água: sua função permite que o líquido de arrefecimento circula através de diferentes órgãos do sistema de arrefecimento.
O termostato: permite colocar mais rapidamente o motor à temperatura de funcionamento correta, reduzindo a poluição e aquecendo mais rapidamente o habitáculo.


A IMPORDAVID, possui equipamento que permite um serviço, que além de limpar completamente o sistema de refrigeração do seu automóvel, também o desobstrui de todas as impurezas que se acumulam ao longo do tempo no circuito de refrigeração.

Inspeção periódica obrigatória

O que diz a lei?

Caso a sua viatura tenha mais de 4 anos, terá de ser presente a uma Inspeção periódica obrigatória.
Esta inspeção de controlo é regular e obrigatória. Obrigatoriedade de Inspeção para veículos de passageiros:
- Até aos 8 anos após a data da primeira matrícula: 4 anos depois desta data e em seguida de 2 em 2 anos.
- Depois dos 8 anos após a data da primeira matrícula: anualmente.
A IPO é obrigatória e deve ser realizada dentro do período dos 3 meses anteriores ao dia e mês da primeira matrícula.

Caso a sua viatura tenha mais de 4 anos, terá de ser presente a uma Inspeção periódica obrigatória.
Esta inspeção de controlo é regular e obrigatória. Obrigatoriedade de Inspeção para veículos de passageiros:
- Até aos 8 anos após a data da primeira matrícula: 4 anos depois desta data e em seguida de 2 em 2 anos.
- Depois dos 8 anos após a data da primeira matrícula: anualmente.
A IPO é obrigatória e deve ser realizada dentro do período dos 3 meses anteriores ao dia e mês da primeira matrícula.
A inspeção incide sobre o conjunto de elementos relacionados com a segurança do seu veículo:
Travões, visibilidade, identificação, a sua aderência ao solo, a direção, a iluminação e sinalização, os equipamentos, a poluição e o nível de ruído, os órgãos mecânicos, e a carroçaria.
Caso hajam pontos que necessitem de uma nova inspeção tem um mês para efetuar as reparações necessárias e voltar a submeter a viatura à inspeção. Passado este prazo, deverá recomeçar o procedimento completo.
Saiba que se circular com uma viatura fora da data de validade da última inspeção, incorre numa multa e a imobilização da mesma. Em caso de acidente perde a cobertura dos danos pelo seu seguro.

Manutenção Filtros

Será mesmo necessário que eu substitua os meus filtros?

Sim. Uma frequente substituição do filtro, permite:
- Um funcionamento otimizado do veículo,
- Uma duração de tempo de vida mais longa para o motor,
- Um menor consumo,
- Melhor arranque do motor,
- Um nível de poluição mais reduzido.

A substituição dos filtros é uma etapa essencial a não ser desconsiderada.
O programa de revisão da Impordavid vai de encontro a estas necessidades, a fim de dar ao seu automóvel um melhor desempenho, sempre amigo do ambiente.

Filtros - os alertas e os sintomas

O filtro de combustível: atenção, pode estar igualmente sujo, sem que um sintoma anómalo se faça sentir.

O filtro de óleo: atenção, não existe nem alerta nem sintoma que vos previna da necessidade de substituir o filtro de óleo. Deve estar atento às periodicidades preconizadas pelo construtor.

O filtro de ar: consumo excessivo ou fumos pretos = filtro sujo.

O filtro do habitáculo: Ventilação fraca, odores desagradáveis ou embaciamento dos vidros = filtro sujo.

 

Para assegurar uma filtragem de qualidade, os filtros devem ser substituídos com a frequência estipulada pelo construtor.


O filtro de óleo: retém as partículas de calamina, de fuligem, de metal e de poeiras geradas pelo funcionamento do motor para evitar a sua sujidade.

O filtro de ar: ao reter as impurezas contidas no ar, protege o motor da presença de partículas sólidas que poderiam riscar ou danificar os cilindros e os pistões. Um filtro em perfeito estado limita o consumo de combustível.

O filtro de combustível: de acordo com os veículos, preserva, o carburador, os injetores e a bomba de alta pressão contra impurezas que se encontram no combustível.

O filtro do habitáculo: é responsável pela preservação da sua saúde! Ele permite filtrar o ar que respira no habitáculo. Um filtro de um habitáculo sujo concentra a poluição no automóvel, até 7 vezes mais do que a do ambiente.

O filtro de habitáculo: Melhora a qualidade do ar do seu veículo, nomeadamente, reações alérgicas, irritações ou lágrimas.
Os maus cheiros estranhos e os excessos de pó no tablier, bem como um fluxo de ar reduzido, são situações que podem ocorrer pela não mudança deste filtro.
Diversos estudos demonstram que a contaminação no interior do veículo pode ser até 5 vezes superior à do ar exterior. Os filtros de Habitáculo contribuem para a melhoria do conforto e da condução, ajudando a preservar a saúde dos ocupantes do veículo. Recomendamos a substituição do filtro de habitáculo 1 vez por ano ou a cada 15.000 kms.

Manutenção Óleo

Devemos efetuar periodicamente a mudança de óleo, pois este reúne cinco funções principais:

1- O óleo deve lubrificar superfícies distintas. A película protetora de óleo elimina o contacto entre metais e peças em movimento, reduzindo assim o consumo de energia.
2- O óleo, reduz o calor gerado pelo atrito, e arrefece efetivamente os componentes do motor.
3- O óleo coloca em suspensão as impurezas, poeiras, resíduos de combustível e as partículas de desgaste que posteriormente se depositarão no filtro. Desta forma mantém o motor limpo e evita acumulação de sujidade, e desgaste ou gripagem prematura  dos segmentos e a formação de depósitos no cárter.
4- O óleo protege as superfícies internas do motor contra a corrosão causada por água e ácidos resultantes da combustão.
5- A película de óleo contribui para a estanquicidade dos pistões para fazer uma boa compressão e conservar  o potencial do motor.


A escolha do seu óleo

Siga as recomendações do construtor, elas encontram-se no manual de manutenção da sua viatura. Caso existam dúvidas podemos sempre aconselhá-lo e ajudá-lo na orientação acerca das diferentes normas e índices de viscosidade.

Tenha atenção
Acender o alarme durante um curto espaço de tempo na altura do arranque é normal. Mas se o alarme continua aceso deve parar de imediato a sua viatura e controlar o nível de óleo.
Se o alarme continua aceso, mesmo depois de ter reposto o nível correto de óleo, não continue a usar o veículo e chame um profissional: no melhor dos casos esse alarme pode resultar de um captor de pressão defeituoso ou, no pior dos casos, a avaria da bomba de óleo, o que pode levar a danos graves do motor.

Manutenção Velas

Os alertas e os sintomas

Não acende ao arranque = Insuficiência no sistema de pré–aquecimento

Veículo a diesel. Geralmente, estas luzes acendem-se durante alguns segundos quando se liga a ignição. Se ele não ligar, existe uma falha no sistema de pré – aquecimento do seu veículo (sem injeção direta).
 Um diagnóstico é necessário para destetar a anomalia.

O veículo não arranca ou arranca com dificuldade após pré – aquecimento, liberta um fumo cinza no momento do arranque de um veículo a diesel, ou emite vibrações. As velas de pré – aquecimento estão no “fim de vida”, proceda à sua substituição o mais rapidamente possível para que o arranque do veículo, não fique desta forma comprometido.

Não existem artigos nesta categoria mas podem existir artigos em subcategorias caso estejam listadas.